Postagens populares

Olá internauta, seja bem vindo ao blog oficial ASSIM DIZ O SENHOR.

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

O BARCO DE PEDRO




A noite tinha sido frustrante para Pedro e sua empresa pesqueira... As noites eram preferidas pelos pescadores por várias facilidades para pesca, porém aquela noite, mesmo com esses recursos foi para se esquecer.
  O barco de Pedro havia se tornado esse sinônimo de angústias, frustrações, decepções...O barco de Pedro significava a falência, a desistência. Por isso o texto em Lucas mostra inicialmente um Pedro que lavava as redes da sua pesca, da sua frustração, da sua impotência admitindo que a pescaria havia acabado.
Jesus chega ao lago de Genesaré e o que Ele vê é um pescador que lavava as redes amargando a pior pescaria da sua vida, então o barco que Ele escolhe para falar as multidões é o barco de Pedro! Não... você não entendeu errado: Foi o barco do falido que Ele escolheu, foi o barco das desilusões, o barco das incapacidades. Foi o barco vazio de peixes... Jesus não escolheu o barco mais bem-sucedido daquela noite, nem um pescador mais insitente ou animado. Jesus escolheu o barco de Pedro.

Ele prega usando o barco de Pedro, como púlpito e se aproveita da acústica do lago de Genesaré para amplificar Sua voz. Fala de esperança,
falou sobre Deus. Seu poder e domínio. Ele usou a linda paisagem do lago de Genesaré (ou mar da Galileia), para ilustrar a mensagem.
Dito isso, Ele olha para Simão Pedro e como se nada houvesse acontecido Ele diz: "Tire o barco da areia, volte para a pesca".  Pedro ainda tenta explicar que a noite havia sido um fiasco. Ora se de noite a pescaria foi desastrosa quanto mais a luz do dia... essa lógica operava em Pedro mas diante Daquele olhar Pedro percebeu que o barco já não era mais dele. Por isso diante daquele pedido do Mestre ele vai pescar, porém dessa vez ele voltava com uma Palavra sobre ele... Essa consciência o faria andar sobre mares ainda.

A rede que era lavada e estava prestes a ser guardada, agora faria a maior pescaria de todas! O barco vazio agora era cheio do milagre e da constatação esmagadora da Palavra do Mestre. O barco das tristezas, impotências, falências agora precisava de outro barco porque estava cheio do amor e misericórdia de Deus. O barco de Pedro volta para areia... o pescador olha para si se prostra, agora a rede a ser lavada é a da alma! Metanóia se apodera dele... Ele chora, sente que foi Encontrado e aquele irresistível amor o conquistara.

Hoje pode ser o seu barco... desiludido, quebrado, falido, frustrado. Seu barco de angústias, medo de tentar de novo. Deus em Cristo escolhe teu barco para um propósito de amor e misericórdia. Não guarde sua rede, nada está perdido porque hoje você foi achado!

Um abraço,

Nele, que nos encontrou e amou primeiro

Ricardo

Nenhum comentário: